sexta-feira, 26 de agosto de 2016

THE BIRTH OF A NATION: Presidente do Oscar fala sobre o controverso caso de estupro envolvendo o diretor

Wooooooow, Cinemaster! Agora a história ficou ainda mais séria. Só a título de ambientação, Nate Parker, que dirige, escreve e estrela The Birth of a Nation, chegou a se envolver em um caso de estupro com um amigo em 1999. E com a ascensão do longa, esse tema voltou à tona e diversos membros da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood já afirmaram em suas redes sociais que muitos deles iriam boicotar a produção por conta desse processo. Vale ressaltar Cinemaster que o drama estreou no Festival de Sundance, em janeiro, saiu campeão de lá, foi vendido para a Fox por nada menos que US$ 17 milhões (a maior quantia já paga para um longa apresentado no Festival) e, de quebra, é tido como o principal na corrida pelos prêmios e, claro, pelo Oscar. A partir disso, Cheryl Boone Isaacs conversou com o TMZ e disse que The Birth of a Nation é o tipo de produção que todos devem conferir. "As pessoas precisam assisti-lo. Eu sei exatamente que pelo feito dele no Festival de Sundance, a produção é claramente o tipo de produção que os cinéfilos devem assistir." De qualquer forma Cinemaster... pode ficar certo que essa história ainda vai render muito PostMovie até a grande cerimônia. 

P.S. O caso ganhou ainda mais repercussão quando em 2012... o amigo de Nate, Jean Celestin, que foi inclusive condenado pelo estupro, cometeu suicídio. =X


Escrito, dirigido, produzido e estrelado por Nate Parker, o longa retrata a real história de Nat Turner, um escravo alfabetizado que utilizou a força das palavras para montar um exército na luta pela liberdade. Sigo mega curioso para conferir o longa completo! 



Por: Diego Domingos
Publicado em: 26/08/16

 

Jack